Dicas MS Project 2010 #11 – Utilização de linha de base no Project

Linha de Base no Project

Quando finalizamos o planejamento de um projeto temos um retrato do que é esperado em relação a datas, recursos, esforço e custo para a realização das atividades que estão descritas no cronograma. À medida em que vamos atualizando o cronograma com o que está sendo realizado, esse plano inicial acaba se perdendo no cronograma já que as datas são recalculadas para refletir a nova realidade.

Porém, precisamos de uma referência para compararmos se o que foi planejado está efetivamente acontecendo. Dentro desse contexto surge o conceito de linha de base (ou baseline para os que estão mais acostumados com o termo em inglês).

A linha de base nada mais é do que a foto inicial do planejamento armazenada para que durante a execução do projeto seja possível efetuar um comparativo do quanto aquilo que foi planejado está efetivamente sendo cumprido.

O MS Project trata as linhas de base de uma maneira muito fácil de entendimento e bastante útil. Para utilizarmos a linha de base no project os seguintes passos são necessários:

ebook dicas ms project

Finalização do planejamento

O primeiro passo é ter o cronograma pronto com todas as atividades do projeto. Isto indica que a fase de planejamento foi finalizada. Vamos tomar como base o cronograma abaixo como o planejamento do projeto:

Image015

O que podemos notar ao término do planejamento é que os campos referenciados como linha de base no project (inicio, término, trabalho e duração) ainda não possuem nenhum valor.

Criação da linha de base no Project

Para associar o valor a estas colunas temos que acessar a pasta Projeto, clicar no botão Definir Linha de Base e selecionar a opção Definir Linha de Base.

Image001

A seguinte tela será aberta:

Image017

Nesta tela, selecionar Definir Linha de Base e escolher a opção Linha de Base. Para este caso vou selecionar Projeto Inteiro pois quero adicionar a linha de base para todas as atividades do meu projeto. Como uma opção eu poderia setar a linha de base apenas para algumas atividades que acabei de incluir, deixando as demais linhas de base intocadas.

Leia também  Elementos de BPMN: o que são Decisores (Gateways)?

Neste caso é preciso selecionar a opção Tarefas Selecionadas. O resultado da seleção foi o meu cronograma com a Linha de base no project atualizada, conforme abaixo:

Image018

E pronto. Minha linha de base no project está criada. A partir de agora é possível acompanhar o andamento do meu projeto comparando o planejado x o realizado. É possível criar e utilizar faróis no MS Project para um acompanhamento visual da linha de base. Caso você necessite dessa funcionalidade, temos um artigo ensinando a criar faróis no MS Project.

E se for necessário replanejar o projeto? Posso manter os dois planos?

O MS Project permite que sejam armazenadas até 10 Linhas de Base adicionais a Linha de Base Padrão. Para salvar uma nova Linha de Base no Project basta seguir o mesmo procedimento acima e ao invés e selecionar Linha de Base basta selecionar uma das outras 10 linhas de base:

Image021

A minha sugestão, no entanto é de que a Linha de Base permaneça sempre com a Linha de Base no Project do último planejamento. Para que isso seja possível, é necessário copiar a linha de base atual para uma nova linha de base e salvar o novo planejamento como Linha de Base novamente. Para copiar a linha de base atual para uma nova linha de base basta utilizar a opção abaixo:

Image005

Esta opção irá transferir todos os dados que estão salvos na Linha de Base para a Linha de Base 1. Neste caso, ao salvar a nova linha de base na sequência, ficam salvas as duas linhas de base: a original (salva como Linha de Base 1) e a nova (salva como Linha de Base).

Caso seja necessário um novo planejamento, basta copiar a Linha de Base para a Linha de Base 2 e assim ficaremos com 3 linhas de base e assim por diante.

Aperfeiçoe-se ainda mais! Baixe nosso e-book sobre dicas de MS Project 2013 e leia os outros artigos da série:

  1. Guia para a Faixa de Opções (Ribbons)
  2. Utilizando o Timeline
  3. Indicadores no Project: criando faróis
  4. Como utilizar um pool de recursos
  5. Criando e acompanhando buffers gerenciais nos cronogramas
  6. Gerenciamento de valor agregado e sua utilização no MS Project
  7. Nivelamento de recursos
  8. Duração, trabalho e alocação de recursos em projetos
  9. Fatores que afetam o cálculo do custo
  10. Principais atalhos de teclado: indo além do CTRL-C e CTRL-V
  11. Utilização de Linha de Base no Project
  12. Configurando o Gráfico de Gantt
  13. Apresentando o percentual concluído/planejado do projeto
Leia também  Dicas MS Project 2010 #5 - Criando e acompanhando buffers gerenciais nos cronogramas

curso de ms project 

Andreia Justo

Sócia consultora da Euax, consultora em ERP pela UDESC, pós-graduada em Engenharia de Software pela PUC/PR, possui mais de 25 anos de experiência como gerente de projetos, certificada PMP, CBPP, e CSM pela Scrum Alliance.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − 1 =

Consultoria Conduzimos gestores e suas equipes à conquista de resultados! Outsourcing Alocação de profissionais especializados e de alta maturidade Capacitação Treinamentos In Company