Processos de Negócios: como melhorar a performance da sua empresa?

Processos de Negócios

Toda empresa pode ser representada por um conjunto de processos de negócios, que são gerados por uma demanda (seja ela interna ou externa) e pretendem gerar um produto. Logo, melhorar a qualidade dos processos que compõem cada um dos setores fará a empresa progredir e ganhar vantagem no mercado.

Tendo em vista a necessidade de implementar melhorias nos processos de negócios, surgiu o BPM, um método de gestão de processos que se baseia na melhoria contínua e inovação para alinhar a empresa às necessidades dos clientes. Quer saber como ele pode ajudar a melhorar a performance da sua empresa? Então continue lendo:

Gestão de Processos de Negócios

Diagnóstico de problemas

O primeiro passo para começar a implantar a gestão de processos é entender quais processos são prioritários para a empresa e quais não são, fazendo então um diagnóstico dos processos prioritários para o negócio.

Para isso, é preciso identificar em cada processo:

  • Os responsáveis por cada etapa;
  • O nível de exigência técnica;
  • A carga horária e o custo; e
  • As pessoas e funções-chave para seu funcionamento.

A partir dessa análise é possível sugerir melhorias para diversos cenários.

Análise dos processos de negócios

A partir das melhorias feitas com base no diagnóstico, o processo pode ser avaliado e mapeado na sua nova execução. É preciso analisar se seu funcionamento está de acordo com o mapeamento feito, se existe alguma necessidade ou etapa não mapeada, e principalmente se o escopo de processo descreve de maneira satisfatória o processo real.

Uma maneira possível de se mapear um processo é por meio de um fluxo (fluxo de processo, usando notação BPMN). Nele, as etapas do processo são dispostas em ordem, ligadas por setas que indicam o caminho percorrido pelo processo até o produto final. Um fluxo pode ser geral ou detalhado e cada etapa (representada por uma caixa do fluxo) pode ser constituída de um processo interno a ser detalhado.

A etapa de análise é fundamental para que seja possível visualizar o modelo do processo, ou seja, a sua representação detalhada. Essa documentação auxilia na melhoria contínua porque gera informação suficiente para uma segunda análise, mais precisa, que poderá encontrar outros pontos a serem modificados.

Leia também  O que é BPMN (Business Process Model and Notation) e como aplicar essa notação na Modelagem de Processos

Geração de métricas

As métricas são um modelo de comparação usado para quantificar um comportamento ou desempenho de um processo. A partir da criação de métricas, fica mais clara e objetiva a análise da qualidade de processos. Elas possibilitam a avaliação de mudanças no processo em tempo real e a impulsionam a evolução contínua.

Para representar os dados obtidos pelas métricas implementadas, são usados os indicadores. Além da análise instantânea dos resultados, é possível fazer um estudo histórico do processo e avaliar sua evolução.

Na gestão de processos de negócios, quanto melhor elaborados os modelos e quanto mais precisas as análises por indicadores, maior será a qualidade do processo e menor será seu custo final. Um processo de baixo custo e rápida execução significa um produto com prazo menor de entrega e um custo de produção menor, o que aumenta a lucratividade.

Por isso, investir no BPM como modelo de gestão pode ajudar muito a sua empresa. Aprenda sobre a metodologia BPM ágil assistindo ao nosso webinar gratuito agora mesmo.

BPM ágil

Vinicius Nóbile de Almeida

Sócio diretor da Euax, formado em Processamento de Dados e mestre em Ciências da Computação pela UFRGS, com mais de 20 anos de experiência em processos. É certificado PMP, CBPP e Cobit Foundation.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − nove =

Consultoria Conduzimos gestores e suas equipes à conquista de resultados! Outsourcing Alocação de profissionais especializados e de alta maturidade Capacitação Treinamentos In Company