Definição de escopo: 4 erros que você não pode cometer

definição de escopo

Escopo, de acordo com o dicionário, é um objetivo que se pretende atingir (fim, intuito, propósito). Ou seja, se ele for mal definido e não compreendido, o resultado final certamente será diferente do esperado. Conheça aqui 4 erros de definição de escopo do projeto que você não pode cometer!

Encontrar um projeto que teve sua execução perfeita, com todos os marcos contratuais cumpridos, planejamento seguido à risca, custo dentro do previsto e qualidade esperada, é uma tarefa muito difícil. A maioria dos projetos contém inúmeros erros, que impactam em vários campos diferentes, principalmente em custos, prazos e qualidade.

Um dos principais determinantes para os atrasos e demais problemas em projetos são os erros na definição de escopo do projeto, que às vezes é tido como o grande vilão da história. Veja alguns dos erros de escopo mais comuns de acontecerem.

4 Erros cometidos na Definição de Escopo

1. Falta de planejamento

Uma das etapas mais importantes de um projeto é o planejamento. Infelizmente, ele é bastante negligenciado e raramente bem executado. Não executá-lo corretamente irá afetar todo o projeto, inclusive o escopo.

É extremamente difícil determinar quais atividades devem ser realizadas para que o objetivo final do projeto seja cumprido. Dessa maneira, é um desafio e tanto definir o escopo correto sem um bom planejamento. Gastar mais tempo nessa etapa garantirá que todos os envolvidos tenham um conhecimento do projeto como um todo, podendo assim definir o que deve ser realizado.

2. Carência de conhecimento técnico

Alguns projetos precisam ter seu escopo constantemente revisado por falta de conhecimento técnico dos profissionais que o executam. Além dos problemas gerados pelo escopo errôneo, isso ainda acarreta em problemas na produção de diversos documentos, como especificações técnicas, levantamento de quantitativos e projetos definitivos.

Para evitar essa situação, o profissional responsável deve ter um bom conhecimento da sua equipe, analisando o desempenho de cada profissional e garantindo que eles sejam alocados de acordo com suas características específicas.

Leia também  Priorizando requisitos: Theme Screening

3. Falha de comunicação

Um dos maiores gargalos na definição do projeto talvez sejam as falhas de comunicação. Em numerosas situações, percebemos que não houve uma assimilação correta da informação repassada.

É necessário certificar-se de que o que você quis dizer foi ouvido e compreendido em sua totalidade. Existem ruídos na comunicação (como enviar um e-mail e ele ir para a caixa de spam) que devem ser erradicados, visando sempre a correta transmissão da mensagem a todos os stakeholders do projeto.

4. Ignorar os riscos na definição de escopo

Outro item negligenciado na definição de escopo são os riscos. Todo projeto tem seus perigos, que devem ser analisados, monitorados e corrigidos. É necessário analisar quais ameaças podem impactar o correto andamento das atividades, buscando sempre minimizá-las.

Ao se deparar com o escopo de um projeto, o gestor deve examiná-lo de forma a descobrir quais são os possíveis problemas que podem acontecer durante a fase de execução e, assim, pensar em maneiras para minimizar o risco, de forma que ele não interfira no processo de execução. Gerenciar os riscos é um dos segredos do sucesso de projetos.

Existem diversos erros na definição das etapas de um projeto que comprometem sua qualidade. Um profissional que detém um cargo de liderança em projetos deve ter visão estratégica, além de diversos conhecimentos, e estar sempre se atualizando para conseguir um excelente desempenho.

Você já cometeu algum desses erros na definição de escopo? Tem alguma dica para evitá-los? Deixe seu comentário!

Aproveite para assistir agora ao webinar gratuito sobre escopo de projeto.

escopo de projeto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − nove =

Consultoria Conduzimos gestores e suas equipes à conquista de resultados! Outsourcing Alocação de profissionais especializados e de alta maturidade Capacitação Treinamentos In Company