7 benefícios de utilizar um framework de processos na governança de TI

framework de processos

Um framework de processos funciona como uma espécie de enciclopédia, que reúne as melhores práticas sobre um tema na visão de uma entidade, empresa ou grupo de pessoas. Frameworks existem para facilitar a vida de quem precisa de uma solução rápida e confiável, baseada na experiência de quem sabe o que realmente dá certo e o que não funciona de jeito nenhum.

Utilizar esse recurso é especialmente vantajoso quando se fala em definir os processos da área de tecnologia da informação e implantar uma governança de TI. Afinal, existe uma série de benefícios que justificam o uso de frameworks, como você pode conferir nos próximos tópicos.

#Benefício 1: Velocidade

Não é preciso redescobrir a roda para implantar uma governança de TI. Milhares de profissionais no mundo já tiveram o trabalho de criar, analisar e consolidar as melhores práticas. Usar um modelo como base ajuda a poupar tempo. Além disso, é mais simples e veloz ter acesso a tudo o que outras pessoas já descobriram do que tentar criar algo completamente novo.

#Benefício 2: Linguagem comum

Já imaginou como seria viajar para o exterior sem saber falar inglês ou o idioma local? Ter um framework de processos possibilita adotar uma linguagem comum para que todos consigam emitir e receber informações de forma adequada.

Por exemplo, uma empresa que usa o ITIL® (Information Technology Infrastructure Library) sabe que um incidente é diferente de um problema. Então quando os funcionários da TI se comunicam entre si eles sabem exatamente do que o outro está falando. Lembre-se que os erros de comunicação facilitam a ocorrência de falhas!

#Benefício 3: Clareza para benchmarkings

O benchmarking é muito utilizado por empresas que querem descobrir oportunidades de melhorias no seu negócio e ajudar outras organizações a elevarem sua performance. Afinal, trata-se de uma interação única para conhecer o que está funcionando em outros lugares e o que não está.

Usar frameworks deixa esse processo de busca das melhores práticas mais coerente e estruturado! Frameworks estabelecem padrões e, assim, garantem comparações mais confiáveis. Eles são a certeza de que os indicadores comparados tratam da mesma coisa e possibilitam a coleta de informações mais assertivas para a organização.

Leia também  Riscos da TI podem colocar o negócio em risco?

#Benefício 4: Conformidade/compliance

Incluir o uso de boas práticas de governança na auditoria é uma das maneiras que a organização tem de garantir uma TI responsável. Afinal, exigir que alguns padrões sejam adotados e avaliar a conformidade a esses padrões reduz os riscos da TI não estar sendo bem conduzida e gerenciada. Assim, a empresa consegue verificar como a TI está trabalhando.

#Benefício 5: Facilidade de treinar a equipe

Aplicar um framework na governança de TI é um passaporte direto para o acesso descomplicado a cursos e workshops, já que existe uma base conceitual comum. Também fica mais fácil escolher um fornecedor de treinamentos e você ainda possui a certeza de que os conteúdos aprendidos pelos funcionários serão aplicáveis ao modelo utilizado pela empresa.

#Benefício 6: Simplicidade de contratar serviços e produtos

Não importa se você precisa de uma consultoria ou de um software novo. Se o serviço ou produto for aderente ao framework que a sua empresa utiliza você sabe que ele está mais alinhado com seus processos. Além de perder menos tempo procurando pelo provedor ideal, você precisará investir menos em treinamentos iniciais ou customizações.

#Benefício 7: Facilidade de contratar pessoas

O domínio ou conhecimento de um determinado framework pode ser pré-requisito na hora de contratar novos funcionários. Assim, você sabe que a pessoa é qualificada e diminui os custos de contratação e treinamento, facilitando o trabalho do RH e do próprio funcionário, que já conhecerá quais são os processos e práticas desejáveis na TI.

Afinal, por que usar um framework de processos?

Quando uma TI declara que seus processos de governança são aderentes a um framework reconhecido no mercado, ela garante que está em boas mãos. Então se o papel da governança de TI é dar segurança ao negócio, nada mais coerente do que adotar um framework de processos.

Além de estabelecer padrões para a área de TI, os frameworks exigem que as empresas gerenciem riscos e assegurem a continuidade do negócio e, por isso, estão diretamente ligados à governança.

Leia também  Os benefícios dos métodos ágeis para o departamento de TI

Um dos frameworks de processos para TI mais reconhecidos mundialmente é o ITIL. Prova disso é que 71% das empresas concordam que utilizar esse framework aumentou a produtividade operacional, de acordo com a Forrester Research. Mas isso é assunto para outro post.

Saiba mais lendo nosso post completo com tudo o que você precisa saber sobre Governança de TI, ou se preferir baixe o conteúdo em formato de e-book.

Ebook Governança de TI

ITIL® é uma marca registrada da AXELOS Limited.
Rafael Correa

Sócio diretor da Euax, graduado em Economia pela Univille, possui mais de 16 anos de experiência em projetos de desenvolvimento e implantação de software. É certificado PMP, ITIL Foundation e Lean IT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − cinco =

Consultoria Conduzimos gestores e suas equipes à conquista de resultados! Outsourcing Alocação de profissionais especializados e de alta maturidade Capacitação Treinamentos In Company