Dicas MS Project 2010 #7 – Nivelamento de recursos

Nivelamento de Recursos em Projetos

Constantemente me perguntam sobre este assunto: Nivelamento de Recursos em Projetos. Então, resolvi comentar um pouco sobre o mesmo visto que, quando bem utilizado, é uma das belas funcionalidades que o MS Project tem. Mas primeiro, precisamos entender o que é o nivelamento de recursos.

A 4ª Edição do Guia PMBOK ® traz a seguinte definição: “… é uma técnica de análise de rede de cronograma aplicada a um cronograma que já foi analisado pelo método do caminho crítico. Pode ser usado quando recursos divididos ou críticos só estão disponíveis em determinados momentos, em quantidades limitadas ou para manter o trabalho constante. É necessário quando recursos foram distribuídos demais, tal como quando um recurso foi designado para duas ou mais atividades durante o mesmo período de tempo…”.

Então, a principal ideia é distribuir os trabalhos ao longo do tempo de tal forma que as pessoas e equipamentos que estão alocados no projeto possam cumprir o seu trabalho dentro do seu horário de trabalho.

Por exemplo: se o analista de sistemas João está alocado em 4 atividades, sendo cada uma delas de 1 semana cada e todas elas poderiam iniciar hoje, mesmo que ele trabalhe 24 horas por dia durante esta uma semana, ele não conseguirá executar todo o trabalho. Nesse caso, precisamos distribuir para que as 4 atividades sejam executadas dentro do horário de trabalho dele, ou seja, as 4 atividades acabarão por levar 4 semanas.

O nivelamento de recursos em projetos no MS Project

E no MS Project, como a gente faz isso? É simples. Vamos iniciar com o cronograma abaixo, com 8 atividades sendo 4 delas para o José e 4 delas para a Mariana:

 

 

Image001

 

 

Note que nenhuma atividade possui predecessora, o que significa que todas poderiam iniciar a partir de hoje. E é exatamente isto que o Project faz. Todas as atividades iniciam na mesma dará: 26/05. Porém, se olharmos a alocação diária dos recursos, veremos que os recursos estão super-alocados, trabalhando até 32 horas por dia!

 

Leia também  MS Project 2010 - Novidades e Principais Mudanças

 

Image002

 

 

Para distribuir os trabalhos ao longo do tempo, ou seja, fazer o nivelamento de recursos em projetos, no menu “Recursos” escolhemos a opção “Nivelar Todos”:

 

 

Image003

 

 

Agora, as atividade não estão mais iniciando nas mesmas datas e os dois recursos do projeto passaram a trabalhar 8 horas por dia:

 

 

Image004

 

 

Legal, mas as atividades não saíram na ordem que eu queria, por quê? Simples, porque o MS Project possui 3 métodos diferentes de calcular o nivelamento de recursos em projetos.

Os 3 métodos de nivelamento de recursos em projetos

Método 1 –  Padrão

Este é o método que foi utilizado no primeiro nivelamento feito acima. É o método default do MS Project e a menos que você troque nos seus cronogramas é este que é utilizado. Este método utiliza as seguintes regras para definir a ordem das atividades: predecessores, dependências, folgas, datas, prioridades e restrições para determinar a ordem de execução das atividades.

Método 2 – Prioridade, Padrão

Para este método o MS Project irá primeiro identificar as atividades de acordo com suas prioridades e em caso de prioridades iguais, irá aplicar o método Padrão. Para prioridades, é importante entender que quanto mais alta a prioridade, maior deve ser o valor atribuído a mesma. O valor default para as prioridades das atividades é 500 sendo que o mesmo pode variar de 1 até 999. Para alterar as prioridades das atividades precisamos incluir uma nova coluna no cronograma com as prioridades.

 

 

Image005

 

 

Note que no cronograma acima, as prioridades maiores são executadas primeiro.

Método 3 – Somente ID

Neste caso, as atividades serão niveladas levando em consideração o ID das mesmas, ou seja, IDs menores serão executados antes de IDs maiores. Se nivelarmos o cronograma anterior por este método o resultado seria o seguinte:

 

 

Image006

 

 

Tanto para o José, quanto para a Mariana, o MS Project entendeu que as atividades com os menores IDs seriam executadas antes e ordenou desta forma.

Parametrizando o método a ser utilizado:

Para definição do método a ser utilizado, precisamos novamente ir ao menu “Recursos” e escolher a opção “Opções de Nivelamento”:

Leia também  Certificação PMP - Mito #2: o exame para é decoreba pura

 

Image007

Image008

Aperfeiçoe-se ainda mais! Baixe nosso e-book sobre dicas de MS Project 2013 e leia os outros artigos da série:

  1. Guia para a Faixa de Opções (Ribbons)
  2. Utilizando o Timeline
  3. Indicadores no Project: criando faróis
  4. Como utilizar um pool de recursos
  5. Criando e acompanhando buffers gerenciais nos cronogramas
  6. Gerenciamento de valor agregado e sua utilização no MS Project
  7. Nivelamento de recursos
  8. Duração, trabalho e alocação de recursos em projetos
  9. Fatores que afetam o cálculo do custo
  10. Principais atalhos de teclado: indo além do CTRL-C e CTRL-V
  11. Utilização de Linha de Base no Project
  12. Configurando o Gráfico de Gantt
  13. Apresentando o percentual concluído/planejado do projeto

curso de ms project 

Andreia Justo

Sócia consultora da Euax, consultora em ERP pela UDESC, pós-graduada em Engenharia de Software pela PUC/PR, possui mais de 25 anos de experiência como gerente de projetos, certificada PMP, CBPP, e CSM pela Scrum Alliance.

4 thoughts on “Dicas MS Project 2010 #7 – Nivelamento de recursos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 + 1 =

Consultoria Conduzimos gestores e suas equipes à conquista de resultados! Outsourcing Alocação de profissionais especializados e de alta maturidade Capacitação Treinamentos In Company