Pontos importantes para gerenciar projetos de inovação

projetos de inovação

Para uma invenção se transformar em um produto, é necessário percorrer um processo e, quando o resultado é concreto, pode-se definir apropriadamente que o processo de inovação está consistente na organização.

Além disso, o processo exige algumas mudanças gradativas que, passo a passo, vão emoldurando uma espécie de “pacote” no qual são trabalhados objetivos, requisitos, planos, marcos, cronograma, critérios de aceite, equipe, partes interessadas, patrocinadores, orçamento, dentre outros. Todo este caminhar é denominado de projeto de inovação, ou seja, a fórmula de como transformar uma ideia em inovação.

Pois bem, vamos colocar alguns pontos importantes que um projeto de inovação deverá contemplar.

1) Levantamento de informações para o escopo do projeto de inovação

Projetos de inovação são classificados como projetos de alto risco, pois dúvidas e incertezas são constantemente percebidas pelos envolvidos logo após a concepção de uma ideia. Neste momento, as questões são muitas, tais como: viabilidade técnica, financeira, comercial e de produção, desenvolvimento em escala, necessidade que irá atender, rede de serviços e parceiros qualificados.

gestão da inovação

Para o grande volume de dúvida, incertezas e questões, as respostas inicialmente são poucas. Para isto, exige-se de um trabalho disciplinado, focado no levantamento de informações mínimas para desenvolver o escopo do projeto de inovação.

2) Preparação da proposta do projeto de inovação

Também considerada a etapa inicial do projeto, a proposta é decisiva porque define as informações que serão levadas adiante e precisa ser consistente. Dentre os elementos que são considerados relevantes na proposição estão:

  • Alcance das metas e dos objetivos traçados na estratégia organizacional para a inovação;
  • Retorno financeiro;
  • Possibilidade de novas plataformas de produtos/serviços;
  • Melhoria da performance da organização;
  • Alcance de novos mercados;
  • Evolução tecnológica;
  • Apelo social e ambiental; e
  • Possibilidades de fundos de financiamento para o desenvolvimento do projeto de inovação.

3) Planejamento do projeto

Em um projeto de inovação, muitas vezes não se tem todas as etapas, as tarefas e até mesmo os requisitos muito bem definidos. Conforme o progresso do projeto, os próximos passos serão planejados e é nesse contexto que uma das técnicas mais eficientes para este tipo de projeto é empregado: o planejamento em ondas sucessivas (Rolling Wave).

Leia também  O que é um projeto? Entenda sua definição e utilidade

Esse é especialmente útil quando no projeto existem eventos desconhecidos e, com isso, o gerente de projeto planeja somente a curto prazo e, conforme os próximos eventos são distinguidos, as próximas etapas são planejadas. Aqui, é imprescindível tomar cuidado para não perder o foco do projeto com a realização de vários planejamentos sucessivos.

Outra metodologia bastante útil, também, é a Matriz de Rastreabilidade, que permite gerenciar adequadamente eventuais mudanças no escopo do projeto.

4) Avaliações constantes no processo de inovação

Avaliações constantes do projeto são importantes de modo a evitar possíveis entraves no retorno sobre os investimentos, evitando que gastos de recursos ocorram sem a devida garantia de retorno. Tais avaliações permitem prever adversidades e facilita ações corretivas se for detectado algum indício de que o projeto não está contribuindo para as necessidades da organização, como originalmente planejado.

Nesses casos, é importante estar familiarizado com a gestão de riscos em projetos e saber quais indicadores utilizar no seu projeto.

5) Habilidades extras do perfil do gerente do projeto de inovação

Gerenciar projetos em ambientes colaborativos é uma constante nas empresas inovadoras, pois existe um conjunto de partes interessadas –  parceiros, fornecedores, clientes, instituições de pesquisa, agências de fomento, incubadoras e concorrentes -, quando não existe ainda a união em uma join venture.

gestão de stakeholders

Portanto, todos estes públicos fazem parte da rede de valor da organização e o gerente de projeto precisa ter habilidades suficientes para manter os recursos com foco na solução proposta do projeto, gerenciar expectativas distintas e integrar a equipe e públicos de interesse.

6) Metodologia para gerenciamento de projetos de inovação

Os projetos de inovação são caracterizados pelos riscos e baixas taxas de sucesso (retorno). Para garantir eficiência no gerenciamento de riscos, controle dos custos, qualidade na execução do projeto, manutenção do foco, as organizações precisam adotar uma metodologia para gerenciamento de projetos de inovação.

Isso é necessário porque as características de um projeto desse porte se diferem do tradicional e a metodologia aqui empregada visa garantir um planejamento consistente, uma melhor avaliação e qualidade das entregas dos projetos nas etapas de execução, além do controle dos riscos e dos custos.

Leia também  Conheça as principais áreas do gerenciamento de projetos

Estas são algumas questões direcionadas aos projetos de inovação que as organizações precisam trabalhar para obter com a inovação os retornos esperados, atendendo aos anseios dos gestores e profissionais empenhados na competitividade organizacional.

Assista ao nosso webinar gratuito sobre Design Thinking e veja como ele pode auxiliar no processo de inovação.

Guia prático de Design Thinking

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 2 =

Consultoria Conduzimos gestores e suas equipes à conquista de resultados! Outsourcing Alocação de profissionais especializados e de alta maturidade Capacitação Treinamentos In Company